18 de junho de 2024 9:34

Banner princ

Meira aprovou Projeto de represamento de cursos d’água, voltado à atividade agropecuária

A Comissão de Agricultura, Pecuária, Abastecimento e Desenvolvimento Rural- CAPADR, aprovou na última quarta-feira (12), Projeto de Lei 3.686/ 2023 (que altera a Lei nº 12.651/2012) para considerar utilidade pública o represamento de cursos d’água, quando voltado a atividade agropecuária, para a regularização de vazão e diminuição dos conflitos pela escassez de recursos hídricos. Para o relator do projeto, deputado federal Coronel Meira (PL-PE) tal iniciativa é oportuna e adequada diante das crescentes crises hídricas no país.

” Os constantes períodos de seca que o semiárido nordestino enfrenta há séculos, prejudicam as populações do campo que dependem da produção agrícola e pecuária para o seu sustento, o represamento de cursos d’água pode ser uma grande solução para armazenamento de água no período chuvoso, trazendo benefícios às regiões vulneráveis e ao meio ambiente, além dos produtores rurais que, terão a viabilização de meios adequados para enfrentar a seca, alinhados com as práticas sustentáveis e de responsabilidade ambiental,” informou Meira.

Leia mais após a publicidade

Ainda para o relator, o represamento também tem o potencial de promover o desenvolvimento socioeconômico na região onde está localizado, diante da garantia de adaptabilidade climática das atividades agropecuárias e, consequentemente, do fortalecimento de outras atividades econômicas locais.” Os benefícios dos referidos barramentos, disponibilizará mais água para a agricultura e pecuária; a regularização da vazão dos rios; a redução de enchentes; e a conservação do solo, com a mitigação dos impactos da erosão e do assoreamento,” reforçou o deputado.

Serra Talhada vive dia movimentado com pré-candidatura oficializada de Miguel Duque

Uma das principais cidade do Sertão do Pajeú, Serra Talhada viveu um dia movimentado, ontem (16), com o lançamento da pré-candidatura a prefeito do jovem Miguel Duque (podemos) a prefeito, em um evento realizado no antigo Espaço do Matuto. O ato político contou com a presença de seu pai, o ex-prefeito e atual deputado estadual Luciano Duque (SD); o prefeito de Paudalho e presidente estadual do Podemos, Marcelo Gouveia; os vereadores Ronaldo de Dja e Vandinho da Saúde; o ex-deputado estadual e ex-prefeito Augusto César; empresários, lideranças locais e aproximadamente 60 pré-candidatos a vereadores. A família de Miguel também marcou presença, incluindo o patriarca João Duque, sua mãe Dilma, o irmão Gabriel e a ex-primeira-dama Karina Rodrigues.

Em seu discurso, Miguel enfatizou a necessidade de coragem e ousadia na política. “Chega um momento que é preciso ter coragem, é preciso ter ousadia, é preciso não baixar a cabeça para aqueles que acham que mandam no povo. É preciso ter coragem para mostrar que dá pra fazer diferente, que dá pra fazer mais e que dá pra fazer junto com o povo. Meu compromisso é com o povo de Serra Talhada. Não tem limite para o sonho, não tem limite para a esperança e eu estou pronto para resgatar o futuro de Serra Talhada“, afirmou, arrancando aplausos dos presentes.

Leia mais após a publicidade
Luciano Duque relembrou sua gestão e expressou apoio ao filho. “Nós estamos dando o primeiro passo na história de um resgate histórico que vamos fazer a partir de hoje. A esperança está de volta. Quem vai governar Serra Talhada é o povo dessa terra, que está esquecido. Quando nós fomos prefeito dessa terra, quem governava era o povo e para o povo. Hoje, quem governa são interesses políticos. Vamos estar de porta em porta dialogando com o povo dessa terra e dizendo que Serra Talhada vai dar um ‘basta’ e eleger um jovem destemido, corajoso e humilde. Vamos resgatar o poder de Serra Talhada novamente para as mãos do povo“, declarou o deputado estadual.

Continuidade

Marcelo Gouveia destacou a continuidade do trabalho da família Duque em Serra Talhada. “Venho aqui hoje lançar a pré-candidatura de Miguel Duque, que sem dúvida dará continuidade ao legado da família, ao trabalho feito por Luciano aqui em Serra Talhada. Enquanto o outro lado fez alianças para retirar a candidatura de Luciano, a nossa aliança é com o povo. Vamos juntos, de mãos dadas, com essa união, com esse time forte de Serra Talhada, que já fez e fará muito mais por essa cidade e conhece cada recanto e necessidade do povo“, afirmou.

Famílias Novaes e Ferraz unidas pela primeira vez em Floresta

O município de Floresta, no Sertão de Itaparica, vive um momento histórico. Depois de mais de um século em guerra, representantes das famílias Ferraz e Novaes estarão no mesmo palanque nas eleições deste ano.

Segundo reportagem da Folha de Pernambuco,  a chapa encabeçada pelo médico Severino Ferraz (Podemos), conhecido como Dr. Severininho, e tendo Rinaldo Novaes (PSB) na condição de vice, será apresentada neste sábado (15), às 16h, no Centro de Convenções da cidade.

A articulação foi definida pelo deputado estadual Fabrizio Ferraz (Solidariedade) e pelo ex-deputado Rodrigo Novaes, hoje conselheiro do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE). Mas o conflito não acaba aí, e um novo já se formou. A estratégia agora é impedir a reeleição da prefeita Rorró Maniçoba (PP).

Leia mais após a publicidade

A última vez em que os dois grupos estiveram juntos foi em 1913, com Antônio Serafim de Souza Ferraz, o Antônio Boiadeiro, como prefeito, e o Major João Novaes sendo o vice. De lá até o início do século XXI a disputa pelo poder na região é ferrenha e há registro de dezenas de mortes em ambos os lados.

“Vimos a necessidade e a importância de acabarmos com os problemas que no passado aconteceram entre as nossas famílias, porque os motivos que nos unem são infinitamente maiores do que os que nos separaram no passado”, justificou Fabrizio Ferraz.

Fabrizio Ferraz admite que alguns ainda não absorveram a união do grupo, mas a maioria vai acompanhar a decisão. “Por amor a Floresta é nosso lema e vai virar o slogan da campanha”, sustenta o deputado, ganhando reforço do adversário de antes.

Miguel Duque lança pré-candidatura à Prefeitura de Serra Talhada

Na manhã deste domingo (16), o presidente estadual do Podemos Jovem, Miguel Duque, lançou sua pré-candidatura à prefeitura de Serra Talhada em um evento realizado no antigo clube do Matuto, na mesma cidade.

A escolha de Miguel como candidato foi uma alternativa encontrada pelo bloco oposicionista após o Solidariedade de Marília Arraes negar a legenda para seu pai, Luciano Duque, em apoio à reeleição da atual prefeita, Márcia Conrado (PT).

Leia mais após a publicidade

O evento contou com a presença de diversas lideranças políticas, incluindo o presidente estadual do Podemos, Marcelo Gouveia, que também é prefeito de Paudalho e presidente da AMUPE. No âmbito local, o evento teve um momento emotivo com a participação do empresário João Duque, avô de Miguel.

Nos discursos, houve fortes críticas ao atual governo de Márcia Conrado, que foi apoiada por Luciano Duque há quatro anos. No entanto, desentendimentos e polêmicas resultaram em um racha significativo, culminando em um episódio de vazamento de diálogo no qual Luciano sustenta fortes críticas a gestão de Conrado. O vazamento, ocorrido em setembro do ano passado, foi a gota d’água para a ruptura entre os dois.

As críticas dos opositores centraram-se na acusação de que Márcia traiu Luciano e se aliou a antigos adversários políticos, como Carlos Evandro e Sebastião Oliveira, além de Marília Arraes. Marcelo Gouveia chegou a afirmar que Márcia “se aliou com Deus e o diabo”.

Miguel Duque, de 25 anos, advogado, e estreante na política, lidera a chapa formada por Podemos, PRD e Agir. Em seu discurso, Luciano Duque ressaltou o apoio popular ao filho, destacando a importância do voto para a melhoria das condições de vida da população.

Apesar do lançamento de sua pré-candidatura, nenhuma pesquisa local indicou ainda o cenário eleitoral em Serra Talhada. A leitura inicial é de que Márcia Conrado é a favorita, especialmente após a exclusão de Luciano Duque da disputa. No entanto, a influência emocional do racha político e a percepção de traição por parte de Márcia ainda precisam ser avaliadas.

O evento também contou com a participação de vários familiares de Miguel, vereadores e presidentes de partidos locais, além do ex-prefeito e ex-deputado Augusto César, e diversos pré-candidatos a vereadores pela chapa.

Por Júnior Campos, com informações de NillJunior e Rádio Vila Bela

Rogério Leão emite nota e deixa disputa pela prefeitura de Belmonte – PE

Por Maciel Rodrigues

Uma bomba! Foi assim recebida a decisão de Rogério Leão de abandonar sua pré-campanha a prefeito de São José do Belmonte – PE. Leão, que já foi prefeito do município, lidera algumas pesquisas já realizadas para este pleito. Pelo que externou o ex-prefeito, o que aconteceu foi uma espécie de “puxada de tapete”, pois ele está filiado ao republicanos, que enviou documento na tarde desta sábado (14) comunicando de obrigatoriedade de compor com o PSB.

Lei a nota de Rogério: 

Amigas e amigos de São José do Belmonte, venho a público comunicar que fui surpreendido com a informação da obrigatoriedade de composição, no nosso município, dos partidos PSB-Partido Socialista Brasileiro e o Partido Republicanos, no qual estou filiado atualmente. Acatar essa determinação fere minha trajetória política, pois todos vocês sabem das minhas divergências com o atual modelo de gestão municipal, neste sentido e por não concordar com tal decisão, com indignação e tristeza resolvi me afastar da disputa.

Quero agradecer ao companheiro Erik Diniz, a todas pré-candidatas a vereadoras, pré-candidatos a vereadores, a todos os amigos e amigas que nos ajudaram até aqui nessa caminhada e principalmente ao povo de Belmonte pelo apoio e carinho que sempre tiveram comigo.

Veja o documento do Republicanos:

Calumbi: TCE vota pela aprovação das contas de 2022 de Erivaldo da Silva

A Segunda Câmara do Tribunal de Contas de Pernambuco esteve reunida nesta quinta (13) e na oportunidade julgou a Prestação de Contas de Governo da Prefeitura Municipal de Calumbi, relativa ao exercício financeiro de 2022, tendo como interessado o prefeito Erivaldo José da Silva (Joelson).

Leia mais após a publicidade

No julgamento, a Segunda Câmara, à unanimidade, emitiu Parecer Prévio recomendando à Câmara Municipal de Calumbi a aprovação com ressalvas das referidas contas do gestor, relativas ao exercício financeiro de 2022.

Pré-candidatura de Miguel Duque será lançada neste domingo em Serra Talhada

Neste domingo (16) está marcado o lançamento da pré-candidatura do advogado Miguel Duque (Podemos) à Prefeitura de Serra Talhada (PR), Sertão do Pajeú. O anúncio gerou grande movimentação dentro do grupo, especialmente após a confirmação de que o deputado Luciano Duque (SD) não estaria na disputa.

O evento ocorre uma semana após a ex-deputada Marília Arraes negar a sigla a Duque. Diante disso, a alternativa encontrada foi lançar Miguel como pré-candidato. Um dos nomes cogitados para compor como vice é o empresário Marcos Godoy, que solicitou um tempo para reflexão e consulta à família.

Leia mais após a publicidade

O lançamento acontecerá no antigo Matuto, em frente ao prédio do INSS, no Centro de Serra Talhada, pela manhã. Uma novidade é que Miguel já conta com o apoio total da família, com exceção do tio, João Duque Filho (Duquinho), que está na disputa pela vice na chapa de Márcia Conrado.

Com apenas 25 anos, Miguel Duque acompanha os passos do pai desde a infância, o que o levou a se envolver na política partidária. Em uma recente conversa com a imprensa, o pré-candidato fez críticas à atual prefeita, argumentando que ela foi eleita com a promessa de ser um governo de continuidade de Luciano Duque. “O governo [Márcia] era de continuidade, e ela [Márcia] foi para as ruas dizer isso, então ela está dando continuidade naquilo ao que ela consegue dar continuidade. E, assim, não acho justo que ela [Márcia] se porte dessa maneira, mas a gente tem que entender, na vida nem sempre as pessoas agem como a gente pensa”, expressou Miguel.

Waldemar Oliveira assume liderança de maior bloco partidário da Câmara dos Deputados

O deputado federal pernambucano Waldemar Oliveira  é o novo líder do maior bloco partidário da Câmara, composto pelas siglas União Brasil, PP, Avante, Solidariedade, PRD, e a federação PSDB/Cidadania – uma soma de 160 parlamentares.

O objetivo do “blocão” é conseguir vagas nas comissões permanentes e na ordem de escolha dos cargos na Mesa Diretora e na presidência das comissões.

Leia mais após a publicidade

As cadeiras são distribuídas de acordo com a proporcionalidade partidária – ou seja, as maiores legendas ganham prioridade na escolha da função que desejam assumir.

No Pajeú, além de Serra Talhada, sua terra natal, Waldemar Oliveira que é do partido Avante, é apoiado em cidades como Triunfo e Quixaba.

Coronel Feitosa denuncia mortes por SRAG no Sertão e Socorro Pimentel rebate

O deputado Coronel Alberto Feitosa (PL) denunciou, na reunião plenária de ontem (11) na Assembleia Legislativa de Pernambuco, a morte de seis crianças em decorrência de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), no município de Arcoverde (Sertão do Moxotó). De acordo com o parlamentar, que fez duras críticas ao governo do Estado, os óbitos foram registrados na semana passada e ocorreram por falta de leitos de UTI infantil.

Segundo Feitosa, muitas famílias têm se deslocado para outras cidades, a exemplo de Salgueiro (Sertão Central) e Serra Talhada (Sertão do Pajeú), para conseguir assistência aos pacientes. “O povo de Arcoverde me ligou desesperado, dizendo que estão faltando médicos, vagas nos hospitais e medicamentos. Na época da Covid, foi feita toda uma mobilização para socorrer as pessoas”, contou.

Leia mais após a publicidade
Em resposta ao parlamentar, a deputada Socorro Pimentel (UB) comentou que a gestão estadual tem feito todos os esforços para abrir novos leitos. Conforme disse, por mais que vagas tenham sido criadas, elas ainda não são suficientes para dar conta do surto de síndromes respiratórias que, neste momento, atinge diversas regiões do Estado.

Duque lança filho pré-candidato à prefeitura de Serra Talhada

Em um movimento estratégico que já era aguardado pelos bastidores da política local, o ex-prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, decidiu lançar seu filho, Miguel Duque, como pré-candidato à prefeitura pelo partido Podemos. A decisão vem após a vice-presidente nacional e de Pernambuco do partido Solidariedade, Marília Arraes, negar a legenda a Luciano para concorrer nas próximas eleições municipais.

Luciano Duque, que governou Serra Talhada por dois mandatos, aspirava retornar ao cargo desafiando a atual prefeita, Márcia Conrado (PT), que busca a reeleição. No entanto, a negativa de Marília Arraes obrigou Duque a reavaliar suas estratégias políticas. O bloco de oposição, do qual Duque faz parte, inicialmente cogitou a candidatura de Ronaldo de Dja como alternativa – essa ideia foi abandonada.

Leia mais após a publicidade

A articulação em torno do nome de Miguel Duque foi confirmada por Divonaldo Barbosa, assessor especial do deputado Luciano Duque. Segundo Barbosa, o lançamento oficial da pré-candidatura está sendo preparado e deverá acontecer no próximo domingo (16), com o objetivo de reforçar a oposição à prefeita Márcia Conrado.

A decisão de lançar Miguel Duque é vista como um movimento para consolidar a base eleitoral do ex-prefeito e enfrentar a máquina administrativa da atual gestão.

O cenário político em Serra Talhada promete intensificar-se nos próximos meses, com a entrada de Miguel Duque na corrida eleitoral, trazendo novas dinâmicas e expectativas para a disputa pela prefeitura.

Em Carnaíba, Luiz Alberto volta a afirmar que disputará vaga de vereador pelo grupo de Ilma Valério

Vereador de quatro mandatos, sendo em seu ultimo finalizando como Presidente da Casa Major Saturnino, em Carnaíba, o ex vereador e ex candidato a vice prefeito de Carnaíba nas eleições de 2016, Luiz Alberto da Silva, agora filiado ao Republicanos da empresária Ilma Valério, confirmou no inicio da tarde desta terça feira 10, ao Blog do Cauê Rodrigues, que vai voltar à disputar a vaga de vereador em Carnaíba.

Leia mais após a publicidade

Concluindo sua faculdade de Direito, onde já está no sexto período para atuar como Advogado Criminal, Luiz Alberto que já tem sua base eleitoral em Ibitiranga e afirma que o Distrito é capaz de eleger dois vereadores. O Distrito conta também com a pré candidatura de Noquinha de Ibitiranga, também pela base de oposição politica liderada pela empresária Ilma Valério.

Luiz Alberto que trabalhou como motorista de ambulância, já teve quatro mandatos de vereador, foi Secretário de Esportes de Carnaíba na segunda gestão de Anchieta Patriota e foi candidato a vice prefeito nas eleições de 2016 na chapa encabeçada por José Francisco Filho (Didi da Felicidade).

Em Flores, ao lado de Jeane Lucas, Marconi Santana recebe os senadores Humberto Costa e Fernando Dueire

No ultimo sábado (08), a cidade de Flores, sob a liderança do prefeito Marconi Santana ( PSB), foi palco de um importante evento político que reuniu figuras de destaque da esfera federal e regional. O prefeito que esteve ao lado da vereadora Jeane Lucas, possível pré candidata a prefeita, recebeu os senadores Humberto Costa e Fernando Dueire, além do presidente da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), Danilo Cabral. A ocasião contou ainda com a presença de diversas lideranças políticas, empresários e representantes da sociedade civil.

Marconi Santana expressou sua satisfação em uma publicação no Instagram, onde destacou a importância do encontro: “Hoje, tivemos a honra de receber em nossa cidade os senadores da República, Fernando Dueire e Humberto Costa, além do nosso amigo presidente da Sudene, Danilo Cabral.

Continue lendo após a publicidade

A cerimônia também contou com a participação dos vereadores locais, incluindo o presidente da Câmara, Luiz Heleno, e os vereadores Flávia Santana, Jeane Lucas, Josélio, Diassis, Nildo, Vaninho e Cristiano. Marconi Santana fez questão de agradecer a todos pela presença, destacando o apoio de sua esposa, Lucila Santana, pela organização do evento e sua mensagem inspiradora sobre a união e fortalecimento da cultura e turismo no município.

Em seu discurso, Fernando Dueire elogiou a administração municipal: “O amigo e prefeito Marconi Santana reuniu sua equipe de gestão, vereadores e lideranças da cidade para fazer um balanço de suas ações e anunciar novos investimentos que eu, o senador Humberto Costa, e o superintendente da Sudene, Danilo Cabral, estamos realizando na cidade. Obrigado, prefeito, pela recepção e acolhimento. Seguimos juntos!”

O senador Humberto Costa aproveitou a oportunidade para anunciar importantes investimentos para Flores, incluindo uma emenda de 300 mil reais e uma emenda de 500 mil reais para custeio da atenção primária. “A gente sabe que o recurso, quando chega, é bem aplicado,” afirmou Costa, reforçando a parceria com o prefeito Marconi.

O evento foi considerado um marco para a cidade de Flores, simbolizando o compromisso das autoridades com o desenvolvimento e a prosperidade do município. O prefeito Marconi Santana concluiu sua mensagem agradecendo “de coração aos amigos e amigas que compareceram em massa, tornando este dia histórico para nossa cidade.”

A reunião demonstrou a força da união entre diferentes esferas de governo e setores da sociedade, destacando o potencial de Flores para crescer e se desenvolver ainda mais com os novos investimentos e parcerias firmadas.

Junior Campos

Jordânia Siqueira afirma que se mantém como pré-candidata em Itapetim

A vereadora Jordânia Siqueira, de Itapetim-PE, se colocou como firme no propósito de levar sua pré-candidatura à frente em Itapetim.  A afirmação foi na entrega do Prêmio Excelência,  da Agência MV4.

“Me coloco à disposição da população de Itapetim para construir um novo tempo”. Pelo discurso,  nem recua nem será “vice de luxo”.

Leia mais após a publicidade

A fala de Jordânia, de certa forma, é um balde de água fria no pré-candidato a prefeito Anderson Lopes, que confessou ao blog do Nill Junior na última sexta-feira (7), que ainda não perdeu as esperanças em convencer Jordânia a retirar a pré-candidatura e integrar a chapa ao seu lado como vice. Ele garantiu que seguirá conversando com Jordânia e buscando um entendimento.

Nos bastidores políticos da cidade, o que se diz é que uma terceira via passa a ideia de uma oposição dividida e que isso enfraquece e praticamente coloca a eleição no colo do grupo governista comandado por Adelmo Moura, atual prefeito de Itapetim.

Por Nill Junior

Partidos têm até 30/06 para prestar contas, alerta TRE-PE

Os partidos políticos que tiveram vigência durante algum período de 2023 devem prestar contas à Justiça Eleitoral até o dia 30 de junho deste ano, mesmo que não tenham arrecadado recursos ou realizado gastos. A prestação de contas deve ser elaborada por meio do Sistema de Prestação de Contas Anual (SPCA), disponível no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE).

Após o encerramento da prestação de contas no SPCA, o processo será autuado automaticamente no Processo Judicial Eletrônico (PJE), na classe processual específica. Os demonstrativos gerados por meio do SPCA e a documentação comprobatória inserida nesse Sistema serão integrados, automaticamente, ao PJE, dispensando-se assim as assinaturas dos responsáveis naqueles demonstrativos. Depois da autuação, o partido deve providenciar, em até 5 dias, a juntada dos documentos listados no artigo 29, parágrafo 2º da Resolução TSE nº 23.604/19.

Leia mais após a publicidade
O processo de prestação de contas tem caráter jurisdicional. Dessa forma o partido e seus (suas) dirigentes devem constituir advogada ou advogado nos autos.

No TRE-PE, a unidade responsável pela análise técnica das contas anuais dos diretórios partidários estaduais é a Secretaria de Auditoria (SAL), por intermédio da Seção de Contas Partidárias (Secop), que também presta atendimento pelo e-mail secop@tre-pe.jus.br ou pelos telefones (81) 3194-9296/3194-9199/3194-9234/3194-9195/3194-9241.

Diretórios municipais

Em se tratando de diretórios partidários municipais, as dúvidas deverão ser encaminhadas por e-mail para a zona eleitoral responsável, por meio do endereço zexxx@tre-pe.jus.br (onde xxx é o número com três dígitos da zona eleitoral do município) ou dirimidas por telefone, cujo número está disponível no site.

Tabira: TCE-PE julga legais nomeações feitas por Sebastião Dias em 2020

Nesta terça-feira (4), a Primeira Câmara do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE) julgou a legalidade das nomeações de 24 Agentes de Combate às Endemias realizadas pela Prefeitura Municipal de Tabira, referentes ao concurso público regido pelo Edital nº 001/2016. A decisão foi anunciada durante a sessão ordinária, tendo como relator o conselheiro substituto Adriano Cisneiros.

O processo de número 23267239, que trata da admissão de pessoal pela Prefeitura de Tabira no exercício financeiro de 2020, foi analisado pela Primeira Câmara do TCE-PE. O ex-prefeito Sebastião Dias Filho, já falecido, foi o interessado principal no processo, que envolveu a nomeação dos servidores aprovados no concurso.

Leia mais após a publicidade

A Primeira Câmara, por unanimidade, julgou legais as nomeações dos agentes, concedendo o registro dos respectivos atos dos servidores listados nos Anexos I, II e III do processo. Essa decisão garante a conformidade das admissões com as exigências legais e regulatórias vigentes.

Com a legalidade das nomeações confirmada, os agentes de combate às endemias podem exercer suas funções com a segurança jurídica necessária. Esse grupo desempenha um papel crucial na saúde pública, especialmente no controle de doenças transmitidas por vetores, como dengue, zika e chikungunya.

Por Nill Junior

Duque retira pré-candidatura à prefeitura de Serra Talhada e acusa Marília de traição

O deputado estadual Luciano Duque usou a tribuna da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) na tarde desta segunda-feira (3) para retirar sua pré-candidatura à prefeitura de Serra Talhada, acusando a vice-presidente nacional do Solidariedade, Marília Arraes, de traição.

Duque alegou que Marília Arraes declarou apoio à sua adversária no município, frustrando sua pretensão de disputar a eleição. Segundo ele, a atitude da ex-deputada retirou não apenas seu direito de concorrer, mas também a esperança de milhares de serra-talhadenses que apoiavam seu retorno.

O parlamentar lembrou que o apoio dele foi crucial para as vitórias eleitorais de Marília em Serra Talhada nas eleições passadas. Duque criticou a justificativa de Marília, que alegou falta de diálogo e a proximidade do deputado com o Governo do Estado em algumas votações na Alepe. Ele rebateu afirmando que sua atuação sempre visou o interesse do povo pernambucano.

Continue lendo após a publicidade
Durante o discurso, Duque também mencionou outros casos onde Marília teria agido de forma semelhante, como com Manuella Mattos, em Itambé, e a vereadora Fany Bernal, em Garanhuns. Ele lamentou a situação, afirmando que foi induzido a acreditar novamente em Marília, o que o levou a rejeitar outros convites de filiação e a arriscar seu mandato.

Duque finalizou seu pronunciamento reafirmando seu compromisso com o povo de Serra Talhada e prometeu apresentar um novo nome para a disputa, alguém que compartilhe sua paixão, determinação e compromisso com a cidade.

Em Flores, Joãozinho Teles vai disputar vaga de vereador

No Municipio de Flores onde já foram lançadas as pré candidaturas de Dr. Nelson Daniel pelo AGIR e de Adeilton Patriota pelo Solidariedade, enquanto o prefeito Marconi Santana (PSB) não apresentou seu candidato ou candidata, cresce a força do grupo de oposição com um grande número de pré candidatos à vereadores.

Entre os candidatos, aparece o radialista Joãozinho Teles, cunhado da ex prefeita Soraya Morioka. Joãozinho que também é o Presidente Municipal do Partido Podemos em Flores, é uma das figuras mais dedicadas ao grupo de oposição.

Leia mais após a publicidade

Joãozinho Teles tem participado das articulações e da escolha dos nomes de Adeilton Patriota como pré candidato a prefeito e de Nezinho de Fátima á vice. O lançamento dos nomes ocorreu neste domingo 03, no Rancho Baião com a presença da ex deputada federal Marília Arraes, que apoia o grupo de oposição em Flores e venceu as eleições no município contra Raquel Lyra na disputa pelo governo de Pernambuco nas eleições de 2022.

‘Dela eu esperava lealdade, respeito e grandeza’, disse Luciano Duque na tribuna a respeito de Marília

O deputado estadual, Luciano Duque (Solidariedade), usou a tribuna na tarde desta segunda (3) para falar sobre o impedimento de concorrer ao pleito para prefeito de Serra Talhada.

Luciano citou o acontecimento deste último final de semana em que Marília Arraes esteve em Serra Talhada para confirmar o apoio a reeleição da prefeita Márcia Conrado (PT) e, com isso, acabando de vez com a possibilidade dele concorrer, já que está filiado ao Solidariedade que é comandado no Estado por Marília.

Leia mais após a publicidade

“Peço licença a tribuna desta Casa para tratar de um assunto muito caro a mim e que tem movimentado a imprensa e os meios políticos nos últimos dias que é a minha candidatura a prefeito da minha terra, Serra Talhada. Escolhi me pronunciar sobre esse tema que é muito específico, mas que diz respeito a minha história ao livre exercício da democracia e a vontade do povo. É de conhecimento de muitos que o povo da minha terra tem reiteradas vezes solicitado que eu volte a disputar eleição municipal, na esperança que possa fazer ainda mais do que já fiz nas oportunidades conferidas anteriormente de forma soberana pelo povo. Por isso, no dia 24 de maio, anunciei a minha pré-candidatura a prefeito de Serra Talhada, a minha terra. E ainda durante a coletiva enquanto eu conversava com a imprensa, a ex-deputada Marília dava entrevista à Rádio Folha que não me daria direito de disputar a eleição pelo partido Solidariedade do qual faço parte, partido do qual me filiei deixando uma bonita e longa trajetória no PT, partido do qual fazia parte onde fui prefeito por duas vezes na minha terra. Segui com ela no seu projeto de candidatura ao Governo do Estado. Nesse fim de semana, ao lado daqueles a rejeitaram, humilharam e a caluniaram, Marília declarou apoio a reeleição da atual prefeita, surpreendentemente, retirando não só o meu direito de disputar a eleição da prefeitura de minha terra, mas a esperança de milhares de serratalhadenses que por onde ando pedem meu retorno para que possamos continuar o trabalho que começamos lá atrás e que sempre, sempre, privilegiou o nosso povo. Dela eu esperava lealdade, respeito e grandeza, mesmo que me negasse a legenda”, disse Duque.

Luciano ainda citou a expressiva votação a qual Marília obteve em Serra Talhada com o seu apoio, nas eleições para deputado e para governador.

Saíram em apoio a Luciano, o deputado Izaia Régis (PSDB) e a deputada Socorro Pimentel (União).

Em Flores, Solidariedade lança Adeilton Patriota como pré candidato a prefeito e Nezinho de Fátima como vice

O grupo de oposição politica do município de Flores, no interior de Pernambuco, promoveu neste domingo 02,, o lançamento da pré candidatura a prefeito de Adeilton Patriota, do Solidariedade e de Nezinho de Fátima, do Podemos como pré candidato a vice prefeito além de vários nomes para a disputa de vereadores nas eleições de outubro próximo.

O ato aconteceu  no Rancho Baião, em Flores e contou com a presença da ex deputada federal Marília Arraes, além do vice presidente estadual da sigla.

Continue lendo após a publicidade

Até o momento, dois partidos já apresentaram seus pré candidatos a prefeito. O primeiro nome a ser apresentado a população foi do Advogado Dr. Nelson Tadeu Daniel, pelo Partido AGIR 36. Agora chegou a vez do Solidariedade apresentar o nome dos vereadores Adeiton Patriota e Nezinho de Fátima, para prefeito e vice respectivamente, enquanto o prefeito Marconi Santana (PSB) ainda cambaleando, tenta escolher um nome do seu grupo de situação para apresentar para a disputa eleitoral de outubro.

Além do lançamento das pré candidaturas de Adeilton e Nezinho, também foram lançados os nomes de Glicy Moizes, Novinho, Diogo Fonseca, Nando do Saco do Romão, Dal da Borracharia, Edmar, Erivelton, Leu de Fátima, Menininho, Nanam de Nezinho, Gorete Patriota e Joãozinho Teles, que preside a sigla do Podemos em Flores, entre outros como pré candidatos á vereadores. Todos os nomes são filiados ao Partido Podemos.

O grupo recebe o apoio dos ex prefeitos Arnaldo da Pinha e Soraya Morioka.

Coronel Meira alerta: Um crime ambiental está prestes a acontecer!

O Deputado federal Coronel Meira (PL/PE) denuncia que, sob a alegação de estar prejudicando os “barraqueiros” locais, a Deputada Rosa Amirim (PT), ligada ao MST, juntamente com José de Anchieta dos Anjos, presidente do CPRH, querem invadir uma propriedade PRIVADA no Pontal do Macaraípe, apesar da propriedade estar 100% regularizada e dentro do que determina a lei.

Segundo Anchieta, a Governadora Raquel Lyra e a Vice-Governadora Priscila Krause têm pressionado para que uma ação seja tomada, à revelia do que determina a justiça.

Continue lendo após a publicidade
A área é cercada justamente, para preservar o bioma e, se invadida, correrá risco de danos permanentes. Segundo informações, a invasão da área está programada para o próximo dia 4 de junho, independente de liminar.

O deputado é membro do “Invasão Zero”, defensor do meio ambiente e solidariza-se com a causa, “estou acionando os meios legais para impedir esse CRIME AMBIENTAL. Um Estado que não respeita a natureza nem a propriedade privada, condena seu futuro”. Afirma Meira.